quinta-feira, 15 de setembro de 2016

Poliamor e Assexualidade



Uma vez em um grupo de Poliamor no Facebook um menino de apresentou e falou que era assexual. Não, ele nao foi compreendido e respeitado ali. Entre os muitos comentários, inclusive ofensivos, um me chamou atenção: Uma mulher disse pra ele que "ser poliamorista e assexual era incoerente"... Minha reação foi tipo: O.o
Bom, pra começar esse papo deixa eu falar de mim:  eu hoje me compreendo como demissexual. Sempre fui, mas não conhecia esse termo. Primeiramente, sempre tive problemas pra me envolver sexualmente com alguém sem estar antes envolvido emocionalmente. O que não quer dizer que eu não fosse pra cama num primeiro encontro! Ia sim, sem problema algum, mas nesse caso eu já estava envolvido, pois eu me apego fácil fácil. O que não rolava era sexo casual! Sexo por sexo pra mim não rolava, não me satisfazia em nada! E mesmo nos relacionamentos que vivi e duraram mais, eu percebia que o meu desejo sexual, mesmo nos momentos de maior intensidade, era menor do que o dos meus companheiros. Eu já "neguei fogo" (como dizem por aí) muitas vezes, e de boa, se fui "traído" nem me importo, pois eu realmente não poderia satisfazer todas as necessidades de quem estava comigo, sexualmente falando.
Então, quando eu decidi que não queria mais viver monogamia, sexo não foi um dos meus motivos! Eu não estava querendo "diversificar" na cama. Meu namorado da época tinha uma química foda comigo e como eu falei, nem dele eu dava conta. O problema pra mim era sentimento: Durante o tempo de relacionamento eu me apaixonei por muitas outras pessoas, e não pude viver isso, pois eu nao queria nada escondido! Eu queria beijá-las, andar de mãos dadas, dividir momentos, e continuar com quem eu estava antes, pois era alguém com quem eu tava construindo uma história e alguém que eu amava muito e não queria ter que escolher entre uma coisa e outra. Mas tive que escolher, e como a relação tinha muitos problemas acumulados também, preferi a minha liberdade.
Então pra mim, a questão que me levou ao Poliamor/Amor Livre não é e nunca foi sexual. Pra mim a questão é amor, é paixão... E isso pode envolver sexo, ou não!
Então quando vejo alguém falando que um assexual não pode ser poliamorista pois isso é "incoerente", eu me pergunto primeiro o que que essa pessoa entende por Poliamor, e em seguida, o que ela entende por Amor!
Pois amor não é sinônimo de sexo! Uma pessoa assexual pode desenvolver vários relacionamentos  afetivos/românticos ao mesmo tempo e sim, isso é Poliamor.
O que é incoerente pra mim é uma pessoa querer defender o que vive dizendo que Poliamor nao é só sexo quando um monogâmico diz que é putaria, mas agir dessa maneira com relação a uma pessoa demi ou assexual.
É engraçado que as pessoas se dizem desconstruídas e livres por que são diferentes de um padrão, mas nao desconstroem seus próprios preconceitos!
Precisamos falar sobre muitas coisas dentro dos espaços não-monogâmicos (virtuais ou físicos) e repensar a forma como lidamos com elas. Assexualidade é uma dessas coisas...

Nenhum comentário:

Postar um comentário